segunda-feira, 1 de julho de 2013

Mundo do Cinema: O Pequeno Príncipe

Oi, pessoal! Estou aqui para falar de um dos filmes que eu mais gostei, O Pequeno Príncipe. Esse filme é uma das coisas mais fofas que existe. Apesar de seu ano de produção, o filme nunca fica datado. Não fica mesmo.


Baseado no livro de mesmo nome escrito por Antoine de Saint-Exupéry nos anos 40, e que um dia ainda lerei o livro, o filme não deixa a desejar. É bem fiel a história original e capricharam nos figurinos, falas e atuações. A história todos sabem: Um piloto, que no filme é interpretado por Richard Kiley, cai com seu avião no meio do deserto do Saara. Perdido, sem água e sem comida, um dia encontra o Pequeno Príncipe, interpretado por Steven Warner. O príncipe explica sua longa jornada a Terra apenas para voltar ao seu planeta e cuidar de sua querida rosa, no filme interpretada por Donna McKechnie.




E o filme conta também com outros personagens inesquecíveis, como a Raposa, interpretada por Gene Wilder. A Raposa é quem fala uma das frases mais inesquecíveis de todos os tempos: Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.






 Outro personagem que também não me esqueço é a Rosa, interpretada por Donna McKechnie. Muita gente reclama que no filme a Rosa é uma chata, que só fica manipulando e chantageando o Pequeno Príncipe. Eu não acho. É que a Rosa é muito exigente. Mas ela se toca e diz que foi muito tola numa das partes do filme.








Ah, e como não nos esquecermos da Cobra, interpretada por Bob Fosse. A Cobra, apesar de ser um personagem que dá muita, muita raiva, é bem difícil se esquecer dela. E claro... Não dá pra se esquecer que a dança da Cobra se parece com a dança do Michael Jackson!










E também, não dá pra esquecer o Pequeno Príncipe e o Piloto. Devo confessar que o Piloto é o único personagem do filme que comparado com os outros personagens, é bem sem graça. Já o Pequeno Príncipe ilumina a tela com sua fofura. É um dos personagens mais fofos e cativantes que eu já vi. Mas a pergunta que não quer calar é: Por onde anda Steven Warner? Se bem que essa eu vou falar em outro post.









Uma das cenas mais inesquecíveis do filme, na minha opinião, é quando o Pequeno Príncipe se despede da Rosa e ela canta "Be Happy". E logo depois, ele sai voando de planeta em planeta. É uma cena que não dá pra esquecer.




E aqui é uma das cenas onde o Pequeno Príncipe mais mostra a sua fofura. Escutem a risada dele... Dá muita vontade de morder!








E a cena que dá mais raiva, quando o Pequeno Príncipe morre. Mas se você não assistiu ao filme ainda, não assista o vídeo.




E também não dá pra se esquecer disso: O desenho da jibóia que comeu o elefante e todo mundo pensa que é um chapéu. E outras coisas que não dá pra esquecer são: A frase: Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos, também dita pela Raposa, e a trilha sonora do filme.













Até a próxima!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Spam, links com conteúdo impróprio ou comentários com palavras de baixo calão serão terminantemente retirados.

Assinado,
Fanblog.